emoji

Os emojis invadiram a propaganda

Os tradicionais e comuns emojis do celular já andam saindo das mensagens para as redes sociais e agora já foram parar na televisão. Os queridinhos já se tornaram até ícones da cultura pop entre os conectados.

E  a galera que vive ligada nas tendências como as agências não iam ficar de fora. É  o caso da campanha atual do Itaú, que por sinal já está no ar, são três anúncios no total.

O melhor é que eles conseguiram fazer uso daqueles emojis que todos nós conhecemos e usamos, dando uma proximidade muito maior ao consumidor. Fora que foi uma sacada mega moderna.

Enfim, os emojis vieram mesmo para ficar e quem sabe vão dominar o mundo, porque a propaganda eles já dominaram.

instagram-publi-700x622

Propaganda no feed do Instagram no Brasil

Assim como no Facebook, o Instagram abriu a possibilidade de fazer fotos patrocinadas, assim como os links da outra rede social. Antes isso era possível apenas nos EUA e em outros países, mas o Instagram brasileiro já irá trazer anúncios publicitários no feed dos usuários.

De acordo com o Instagram, as primeiras propagandas a serem veiculas serão feitas por marcas que já possuem um bom conteúdo na rede. E para não causar conflitos, o usuário poderá ocultar a imagem patrocinada. O que não fará com que o conteúdo desapareça.

Toda publicidade veiculada na rede social será personalizada para cada usuário, de acordo com os dados coletados na rede de cada perfil que o usuário segue e amigos dele, além de algumas informações do Facebook, caso estiverem vinculadas.

No Brasil ainda não se tem uma data exata para o início da ação, mas já é possível ver algumas marcas com fotos patrocinadas.

Agora a ferramenta ficou ainda mais completa e útil para o mercado publicitário.

 

C

Regras de ouro para ter uma boa negociação

Negociar é se relacionar, não é baixar o preço e cobrir a concorrência. Remova esse conceito da sua mente se quiser ter sucesso nas suas futuras negociações. É apenas uma questão de expor e analisar as condições de cada negócio.

Confira as regras para se ter uma negociação de sucesso:

1-      Sempre que possível comece a negociação

Dessa forma você terá mais chance e tempo para planejar e mostrar como é vantajoso trabalhar com você. Expondo tudo que você pode oferecer e fazer por ele.

2-      Documente

Tudo que for negociado deve estar por escrito e assinado por ambas as partes. Isso evita com que o cliente ou a empresa desistam de tudo de um dia para o outro. Além de dar mais credibilidade e segurança para o cliente.

3-      Fique calmo

Jamais perca a cabeça. Isso pode te cegar durante a negociação e acabar pondo tudo a perder por um intempere, portanto acalme-se tudo tem seu tempo, inclusive o fim da negociação.

4-      Esteja sobre solo conhecido

Procure negociar em um local que você se sinta à vontade, de preferência no seu escritório, assim você se sente mais seguro. E segurança é parte importante na hora de negociar.

5-      Procure conhecer a empresa

Antes de partir para a negociação estude o nicho do cliente, seus concorrentes e a própria empresa, isso mostra para o cliente que você está interessado e disposto a fazer o melhor para ele. Fora que te dá novos e bons argumentos na hora de negociar.

 

megafon

Liberdade de Expressão e Seus Limites

Com os últimos acontecimentos em Paris sobre o ataque contra os cartunistas e jornalistas do jornal Charlie Hebdo que virou notícia e trouxe a tona muito mais do que os fatos de um crime, comoveu países e se fez símbolo de uma velha luta, a liberdade de expressão.

Afinal, até que ponto falar o que quer, sobre quem quer e fazer o que quer, é ter liberdade de expressão? Assim como toda liberdade ela vem carregada de responsabilidade. É como já dizem, o direito de um termina quando começa o direito do outro.

Nossa constituição garante a liberdade de expressão, mas nosso código penal também garante punições contra desacato, injúria, danos morais e outros que defendem nossos direitos individuais e humanos.

O fato é, tudo que se leva ao extremo é ruim, até o bom humor!

Uma boa dose de bom senso e um pouco de reflexão para esse momento é necessário para que cada um possa se aperceber que para tudo nessa vida existe um limite. Seja ele moral, legal ou cultural. De nada resolve o fanatismo seja ele de qualquer origem.

Não é ser “Je suis Charlie” nem “Je suis Maomé” é talvez ser  “Je suis  respect” (eu sou respeito em português).

5cad5e7acfea4f3f4cac2c66a86f020f

O valor da bagagem cultural

Para começar a conversa vamos esclarecer o que significa bagagem cultural, nada mais é do que o conhecimento que você conquista fora do seu dia a dia e que ninguém pode te ensinar. São as viagens, as visitas ao museu, idas ao cinema, os filmes alugados, as músicas escutadas, as notícias lidas, histórias contadas, os livros lidos, os passeios feitos, enfim tudo aquilo que abre sua mente, te faz ver coisas novas que te deixaram mais completo e estimulado.
Quem está sempre no mesmo lugar, com as mesmas pessoas e fazendo as mesmas coisas não conquista uma vasta bagagem cultural. E isso faz toda a diferença.
Assim como o corpo, a mente e a criatividade precisam de exercícios, o processo da conquista da bagagem cultural já um exercício. Sem contar que sempre quando estamos criando precisamos de referencias e é a nossa bagagem cultural, nossas memórias e nossas sensações que nosso cérebro consulta nessa hora.
Por isso, quanto maior a bagagem cultural for melhor será seu poder de criação e suas referencias. Então, saia veja coisas novas, elas farão toda a diferença.

producao-de-conteudo-a-melhor-aposta-em-marketing-digital

Dicas para produzir conteúdo relevante

Gerar conteúdo é fundamental, mas ele precisa ser relevante para que cumpra com os objetivos. Como atrair leitores, clientes e anunciantes.

Veja algumas dicas:

Que seja útil

Se o conteúdo não tiver utilidade ele se torna irrelevante. Então, é bom saber se seu público tem alguma dúvida sobre algo que você possa responder. É assim que se faz um conteúdo útil.

Inove

Saia do óbvio, aposte em imagens legais para que seus posts chamem atenção não só pelo conteúdo mas pela aparência.

Ensine o público a fazer algo

Coisas com passo a passo e dicas segmentadas sempre funcionam. Lembre-se as pessoas gostam de coisas que as atualizem, que transformem o dia a dia em algo mais fácil e gostoso.

Tenha uma linguagem e a siga

Ter um padrão para se comunicar com os leitores cria identidade e familiaridade com o público. Por isso escolha uma linha e a siga. Não se comunique cada hora de um jeito, isso dificulta a fidelização das pessoas quanto ao conteúdo.

Use as redes sociais

Nada de fazer ações internas apenas, leve o conteúdo para as redes sociais, isso irá promovê-lo e trazer mais leitores.

Cuidado com o tamanho

Lembre-se você está escrevendo para a internet, então escrever páginas e mais páginas sobre o mesmo assunto, não é vantagem. Deixe o conteúdo compacto e fácil de entender. Isso gera mais interesse no público.

 

for--a-da-imagem-na-publicidade

O poder da imagem na propaganda

Todo mundo já deve ter ouvida a seguinte frase: “uma imagem vale mais que mil palavras!”  E vale mesmo, ainda na mais na hora de comunicar e vender algo.

Sem visualizar fica difícil entender e mais do que isso fica difícil de encantar. A propaganda precisa dos apelos visuais para conquistas seu público. Sem ele a missão de conquistar clientes seria muito mais difícil.

Uma boa imagem, que chame a atenção e desperte o desejo já deixa mais que meio caminho andado. O visual é tudo na hora de comunicar as pessoas.

Por isso investir em produção é uma das melhores formas de garantir uma imagem de qualidade e que satisfaça o cliente e comunique de forma direta, agradável e impactante todos que a virem. Uma imagem marcante diz tudo e faz com que o público lembre-se de sua marca por conta da escolha dela. E saiba que muitas vezes ela é determinante na decisão de compra do seu consumidor. Principalmente no segmento de automóveis, moda e beleza.

Aí está o segredo de chamar a atenção. Fazer uso do apelo visual mais básico e funcional, a imagem.

135ok

Como o atendimento pode ser determinante na hora de negociar

O atendimento é o começo de tudo. É a primeira impressão que se passa ao consumidor assim que ele entra em contato com a empresa, seja ela de qual setor for.

Se o consumidor não se sente bem atendido as chances dele fechar um negócio, como venda ou contrato são mínimas. Porque o raciocínio é o seguinte, se na hora de adquirir o serviço/produto o atendimento está sendo horrível,  imagina na hora que precisar de algo como suporte. Isso causa uma péssima impressão na qualidade do serviço. Se o cliente já saiu com essa má impressão por conta do atendimento, dificilmente ele voltará e mais do que isso, recuperar esse cliente que saiu com uma má impressão é muito mais difícil do que causar uma boa impressão para um novo cliente.

Sem contar que o boca a boca ainda corre, só que para o terror das empresas e das marcas é na internet, então todo mundo vê e fica sabendo do problema e da reclamação do outro. E isso gera mídia negativa, espantando os futuros clientes por conta dessa má impressão que um conhecido ou amigo teve do atendimento.

Por isso, mais do que investir em bons profissionais e bons materiais é importante cuidar muito bem das pessoas que fazem o atendimento, escolher a dedo, treiná-las. Ninguém nasce sabendo atender bem ou perfeito para isso, é necessário investimento da empresa para o setor de atendimento. Isso se a empresa desejar causar boa impressão e conquistar seus clientes por esse diferencial. Que em muitos casos supera o preço, muitas pessoas preferem pagar mais mas ser bem atendidas do que pagar menos e não ter o atendimento que merecem. E isso vale para tudo, em todos os setores.

Seja qual for o ramo que você trabalhe fique atento ao atendimento ele é a cara da sua empresa, é ele quem recebe, tem o primeiro contato com seu cliente e se esse não fizer um bom trabalho você pode perder clientes por culpa do mal atendimento.

Sendo assim, busque empresas que capacitem seus a funcionários e verá como seus clientes ficarão mais satisfeitos e certamente o número também aumentará. É o reflexo de um bom atendimento.

Como organizar sua equipe

Sempre quando assumimos um cargo temos conosco uma equipe, que precisa ser orientada e treinada. Mas entes disso é preciso organizar sua equipe e conhecê-los muito bem.

O princípio básico de qualquer tipo de organização é separar, classificar e isso para organizar sua equipe é fundamental. Então vamos as dicas e como organizar sua equipe:

1-     Conheça bem cada um

Para organizar sua equipe é preciso que você conheça cada habilidade de cada profissional que você está lhe dando. Só assim saberá onde é o melhor lugar para encaixá-lo.

2-     Deixe claro as funções

Para pode cobrar as atividades de sua equipe e preciso deixar cada um responsável por uma coisa. Nada de deixar que todos sejam responsáveis. Já diz o ditado popular, cachorro de muito dono morre de fome. Ou seja quando as funções não estão claras as responsabilidades também não ficam bem definidas e por isso a equipe acaba falhando.

3-     Tenha um objetivo final

Coloque para sua equipe um objetivo final, assim ela saberá onde precisa chegar. Não adianta nada ter sua equipe organizada e sem foco, um objetivo direciona e impulsiona ela para frente.

4-     Faça reuniões sempre

Para manter a organização é fundamental que sejam feitas reuniões constantemente com a equipe, assim é mais fácil manter sua equipe organizada e ter a certeza de que cada um está com um bom desempenho.

Essas dicas de como organizar sua equipe são muito úteis no dia a dia de uma empresa, praticamente vitais.

entrevista-de-emprego-2

O que não fazer numa entrevista de emprego

Claro que que todo mundo fica nervoso uma entrevista de emprego, ainda mais se for a primeira. Nessas horas é de fato mais complicado saber o que não fazer e o que fazer para que a entrevista siga e você tenha chances reais de conquistar o emprego.

Por isso algumas dicas de o que não fazer numa entrevista de emprego podem ajudar. Confiram:

1-     Não se atrase

Parece pouco, mas pode ser determinante na hora de conquistar o emprego. Pessoas pontuais costumam ser mais organizadas e o atraso demonstra que você deu pouca ou nenhuma importância para entrevista.

2-     Não use gírias ou palavrões

Na hora de fazer uma entrevista de emprego lembre-se que o seu vocabulário também será analisado. Portanto deixe de lado os meu, mano, véio, parceiro, da hora, dentre outros, isso inclui os palavrões ditos em momentos de entusiasmo como o foi foda, legal pra caralho e afins.

3-     Não minta sobre suas habilidades

É mais comum do que imaginamos, mentir sobre as habilidades numa entrevista de emprego não é a coisa mais inteligente para ser feita. Até porque você será testado e mentir não irá lhe dar o emprego. Portanto seja sincero diga o que sabe, o que não sabe e o que tem vontade de aprender.

4-     Mantenha o diálogo

Na hora da entrevista de emprego o mais comum é apenas responder as perguntas. Mas o ideal é tentar manter um diálogo onde o entrevistado e o entrevistador façam perguntas, isso demonstra interesse e controle emocional. Mas sem falar em excesso.

5-     Não saber nada da empresa

Sempre que você for numa entrevista de emprego vá preparado. Busque na internet coisas sobre a empresa, procure saber quem são os seus clientes, como ela trabalha, enfim reúna o máximo de informações possíveis sobre ela.

6-     Seja educado

Na hora de uma pessoa avaliar a outra numa entrevista de emprego ela nota tudo, inclusive como você se comporta, senta, conversa e se socializa com as pessoas em volta. Por isso nunca esqueça a educação em casa, lembre-se de usar por favor, obrigada, com licença e todas as palavrinhas mágicas que nos ensinaram na infâcia.

7-     Vestimenta

Quando você for fazer uma entrevista de emprego lembre-se de ser o mais clean possível. Se o cargo for jurídico ou um trabalho mais sério é necessário se vestir de maneira mais sóbria, como usar um terno, uma boa camisa e sapatos sociais. Agora, se for uma empresa onde não requer tanta formalidade atenção, nada de ir muito despojado. Opte por uma polo, calça jeans e sapatênis, ou até uma camisa. Para as mulheres o cuidado é na hora do decote e o comprimento de saias. Lembrem-se meninas não é uma balada é uma entrevista de emprego. Portanto se vista de forma elegante e sem excessos, tanto na maquiagem quanto nos acessórios.

8-     Não fale mal o ex-chefe ou da empresa

Falar mal do ex-chefe ou da empresa que trabalhava é o caminho mais curto para e dar mal em uma entrevista de emprego. Isso não é ético, e na cabeça do entrevistador ele pensará, se ele fala mal da empresa antiga vai falar mal dessa também. Você pode dizer que não se identificava com a forma de trabalho na empresa, ou com a cultura de lá, mas nunca falar mal, denegrir seu emprego anterior.

Então, lembre-se sempre dessas dicas, elas o ajudarão a fazer uma boa entrevista de emprego.